Curiosidades

Rock Brasileiro

Neste primeiro artigo para o portal, eu decidi escrever sobre a música no Brasil, não sou um expert em música brasileira, mas levando em consideração o nosso atual cenário musical, acho que qualquer um, que tenha um bom par de ouvidos e um pouco de bom senso, pode dar sua opinião sobre a lamentável situação em que se encontra a música e mais especificamente o rock nacional.

Para infelicidade geral, não existe muito espaço para o rock na nação tupiniquim, alguns podem achar exagerado o meu ponto de vista, e lembrar os Raimundos por exemplo, mas se compararmos os números de apresentações, CDs vendidos e freqüência de aparições na mídia, fica fácil notar que o pagode, o sertanejo e o axé estão bem na frente do rock, ou estou enganado?

"Ora não poderia ser diferente, nós estamos no Brasil, país do futebol e do Carnaval"

Alguns podem dizer: "ora, não poderia ser diferente, nós estamos no Brasil, o país do futebol e do carnaval", mas e daí?, o problema não é exatamente esse, não é o gênero musical ou a cultura que eu estou criticando, mas sim a maneira de como é armado o ridículo circo musical brasileiro, onde é muita pretensão querer que bandas alternativas tenham algum espaço, como o próprio nome diz, essas bandas são alternativas ao verdadeiro depósito de lixo que é o nosso mundo musical.Vejamos por exemplo as grandes duplas sertanejas, por que é que estes caras fazem tanto sucesso?, os caras só falam besteiras sobre ser um corno miserável e mesmo assim têm o seu espaço garantido na mídia.Não é nada difícil você ver esses merdas lançando seu novo CD nos programas de domingo à tarde na TV, mas por que eles estão lá?, se ninguém ouviu o novo CD ainda, como sabem que é bom?

 

E é esse exatamente o ponto, ser bom ou não, não é a questão, o importante é fazer você ouvir e comprar o CD, da mesma maneira que as pessoas começam a se vestir do jeito dos atores das novelas, também vão querer comprar o CD dos artistas que estão aparecendo, e isso se aplica não só as duplas sertanejas, o mesmo vale para os pagodeiros, os cantores baianos, os caras capengas da MPB e os grupos de bunda de fora, é tudo merda da mesma fossa.

O espaço para o rock está limitado a poucos bares e shows esporádicos, e as ditas grandes bandas de rock nacional parecem preferir navegar por outros mares, as vezes mais pop, as vezes fazendo CDs acústicos ou regravando sucessos de outros, mas o objetivo não é fazer algo novo, é sempre fazer algo mais consumível.

Concluindo, o rock brasileiro é música alternativa, mas mesmo assim, vale mais a pena ouvir o que ninguém conhece do que consumir toda a porcaria que é empurrada pela mídia, não é uma questão de querer ser diferente é apenas uma questão de não ser um idiota alienado.

Luiz Domingues

ÍNDICE - CURIOSIDADES